O que esperar do seriado de Watchmen na HBO?

Com suas doze edições publicadas pela DC entre 1986 e 1987, Watchmen é um verdadeiro marco quando o assunto é história em quadrinhos. A parceria de Alan Moore e Dave Gibbons ganhou diversos prêmios na época do seu lançamento e já figurou em uma lista dos melhores romances na revista TIME.

Em 2009, Zack Snyder levou a obra para a telona e conseguiu agradar a maioria. No IMDb, Watchmen: O Filme tem a boa média de 7.6.

Agora, é a vez da HBO.

O criador

Damon Lindelof é quem está por trás de Watchmen. Ele tem no currículo seriados como Lost e The Leftovers. Se considerarmos seus trabalhos anteriores, podemos esperar uma boa mistura de mistérios, desenvolvimento de personagens e uma pegada artística em alguns momentos.

O tempo parece que está fazendo bem para ele.

Quantos episódios?

Serão 9 episódios de cerca de 1 hora cada, com transmissão da HBO nos domingos às 22:00.

Lindelof já adiantou que será uma temporada com começo, meio e fim e que não há necessidade de conhecer o material original para embarcar na história. Mas é claro que ajuda.

Se o Watchmen for bem em termos de crítica e audiência, é possível que outras temporadas sejam produzidas, mas seriam tramas diferentes.

Já foram divulgados os títulos de 6 episódios. O primeiro será “It’s Summer and We’re Running Out of Ice“.

E a trama?

A história de Watchmen vai se passar cerca de 30 anos depois dos acontecimentos do original.

A personagem principal é Angela Abar, uma ex-policial que atende pelo nome de Sister Night quando está usando sua roupa de herói. Ela está buscando por membros de um grupo de supremacistas brancos chamado Seventh Cavalry. Nesta época, os vigilantes também são proibidos e os policiais usam máscaras.

Conhecendo Lindelof podemos imaginar que a trama terá muitas camadas e possibilidades.

Primeiras impressões

Alguns episódios de Watchmen foram liberados para os críticos e muitos estão empolgados. Li um review que dizia que o primeiro episódio prepara bem o terreno para o que vem pela frente. E teve gente que até aplaudiu na Comic Con.

O mundo concebido no seriado é extremamente problemático e é possível fazer um paralelo com o nosso em várias situações. Vai haver crítica social aqui, além de uma história muitas vezes chocante envolvendo temas como racismo e violência.

Minhas expectativas

Considerando o material original, a HBO, o showrunner e as boas primeiras opções, acredito que presenciaremos algo acima da média.

Estou na torcida!


Related Posts with Thumbnails

Author: brauns

Um despretensioso comentarista de filmes e seriados. Fã de Kubrick, Spielberg e Kurosawa, nomes que me ajudaram a perceber o enorme potencial do cinema.

Share This Post On

2 Comments

  1. Estou apostando mais no selo qualidade da HBO mesmo, porque quando penso na história e no “não” aval do próprio criador dos quadrinhos, fico um pouco preocupado.

    Post a Reply
    • acho que esse ‘não’ do alan moore já era esperado, mas certamente as chances de dar certo seriam maiores se ele fizesse parte da produção.

      Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.