Grandes Olhos (Big Eyes)

Com seu estilo único Tim Burton foi responsável por criar produções incríveis e que ficaram para sempre no imaginário de muitos cinéfilos. Seus últimos trabalhos entretanto estavam demonstrando um claro desgaste na fórmula, no estilo e até mesmo no elenco. Com ares de ‘recomeço’, “Grandes Olhos (Big Eyes)” parece querer renovar os ares e marcar uma nova fase na vida desse estimado cineasta que tantos adoram.

A trama acompanha a história real da pintora Margaret (Amy Adams, “Trapaça”) uma mulher talentosa que em 1950, após ‘largar’ o marido, tentava ganhar a vida e cuidar de sua filha pintando quadros com crianças de olhos grandes e, de certa forma, assustadores. Certa feita ela conhece um sujeito, também pintor, chamado Walter Keane (Christoph Waltz, “Django Livre”) e acabam se casando. Com o intuito de vender mais, uma vez que uma mulher naquela época dificilmente seria levada a sério, Walter assume a autoria dos quadros que sua, agora, esposa pinta.

Grandes Olhos

A medida que os quadros das crianças com grandes olhos vai fazendo sucesso, Margaret mesmo tendo uma boa vida devido a todo o dinheiro que eles vem ganhando, começa a ficar cada vez mais ressentida de ter passado a autoria para o seu marido, que vive se vangloriando da fama e acaba recebendo todo o ônus de suas obras primas. A história é bem interessante e ainda mostra como, há poucos anos atrás, as mulheres eram vistas e tratadas pela sociedade: “Uma mulher pintando, ninguém vai dar crédito ou ligar para isso“.

No elenco o destaque fica com Amy Adams e, ainda que esteja um pouco caricato, Christoph Waltz representa bem o típico ‘bom de papo’ que tenta levar qualquer um na conversa. O elenco coadjuvante também possui alguns rostos conhecidos e, aliados a toda a representação da época, conseguem contar de maneira muito fácil de ser acompanhada essa incrível história.

Big-Eyes

Ainda que tenha algumas boas sequências (a ‘liberdade criativa’ em uma cena de tribunal é muito bem vinda) e seja bem conduzido, “Grandes Olhos” está longe de ser considerado uma obra espetacular. De qualquer forma trata-se de um bom filme e que deverá servir ao propósito de renovar as ideias na mente do amado Tim Burton que parecia estar preso em seu próprio mundo já fazia algum tempo.

***

  1. Desde “Marte Ataca!” em 1996 que Tim Burton não fazia um filme que não era protagonizado por Johnny Depp ou Helena Bonham Carter.

Grandes-OlhosGrandes Olhos (Big Eyes, 2014/2015 – 106 min)
Drama, Biografia

Dirigido por Tim Burton com roteiro de Scott Alexander e Larry Karaszewski. Estrelando: Amy Adams, Christoph Waltz, Krysten Ritter, Danny Houston, Jason Schwartzman, Terence Stamp, James Saito e Elisabetta Fantone.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

8 Comments

  1. A própria mudança de elenco ajuda na renovação e a Tim Burton, pois ele precisa repensar como apresentar as personagens. Filme legal.

    Post a Reply
    • É um filme bacana mesmo, gostei dessa mudança também.

      Post a Reply
  2. cara! eu virei fã de Tim Burton pelos filmes de Fantasia que ele fazia, e particularmente não queria que ele mudasse de formula, olhos grandes é bom…mais eu prefiro um Edward Mão de Tesoura, um Beetle Juice, um Cavaleiro sem cabeça,Sweeney Todd e lá vai o trem…esse é o louco Tim Burton que eu conheço!

    Post a Reply
    • Ele deve voltar a fazer seus filmes como todo mundo sempre curtiu, mas acho que até mudar os atores já ajudou e é bom renovar sempre.

      Post a Reply
  3. Pois é, ele se separou de Helena então é bem capaz dela não aparecer mais em seus filmes.
    Eu achei esse filme muito bom, a história é bem interessante apesar de não ser nada demais.
    Eu curti a parte do domínio masculino no mundo das artes, o que é arte, etc.

    Post a Reply
    • Agora é só esperar que ele ‘termine’ com Depp também ou que Depp se reinvente porque é outro que ficou preso no mesmo personagem já faz algum tempo. Se bem que Piratas 5 tá vindo aí né…

      Post a Reply
  4. Eu achei um ótimo filme. Pra mim, Burton quis fazer uma reflexão sobre sua própria carreira(Assim como vejo Margaret sendo na verdade o próprio diretor). Me parece um filme bastante pessoal.

    Acho que depois desse filme, Burton deve de reinventar.

    Post a Reply
  5. Gostei do filme Grandes Olhos, principalmente por retratar uma realidade bem recente na sociedade relacionada a dominação masculina.

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.