O Predestinado (Predestination)

Viagens no tempo e todos os seus paradoxos intrínsecos são sempre fascinantes, principalmente no mundo do cinema, mas são raríssimas as produções que conseguem trazer histórias tão incríveis e espetaculares como “O Predestinado (Predestination)”. Lançado em 2014 e sem previsão de estreia no Brasil (nem mesmo em homevideo), trata-se de um filme com um roteiro ambicioso, ótimas atuações e uma quantidade quase inacreditável de grandes viradas na trama.

Baseado no livro “All Zombies” escrito por Robert Heinlein, a trama acompanha a vida de um ‘agente temporal’ (Ethan Hawke, “Boyhood”) que trabalha viajando no tempo realizando missões pontuais para aplicar a lei durante a eternidade. Em seu último trabalho, ele deverá perseguir um terrorista que sempre lhe escapou ao longo do tempo.

Predestination

Contar mais sobre a história ou estender a sinopse só prejudicaria a diversão de quem ainda não assistiu o filme que possui uma sequência de “viradas na trama”, ou melhor dizendo, ‘plot twists’, capaz de deixar até mesmo M. Night Shyamalan com inveja. O roteiro é muito bem construído e amarradinho, algo difícil quando se fala de viagens no tempo e todos os paradoxos que carrega consigo, e o melhor, não precisou cair na armadilha da “força do amor” para resolver os mistérios levantados. Existe uma crescente no argumento e em todos os arcos criados que são sempre muito bem fechados. Começa com uma simples conversa de bar e vai muito, muito além do que você possa querer imaginar.

A ambientação meio anos 70 que não fica apenas nos cenários e locações como também no próprio figurino ou até mesmo na maleta que é utilizada para saltar no tempo, com direito àquelas engrenagenzinhas onde se coloca a data para onde se deseja ir, contribuem muito com o clima proposto. Isso sem falar nas atuações incríveis do sempre ótimo Ethan Hawke e da Sarah Snook, que está como se dizia no século passado “chocante”. Dos trabalhos que assisti dessa atriz este foi o melhor até aqui.

Predestination

Para todos aqueles que adoram uma boa ficção científica com viagem no tempo, com uma pegada mais clássica das produções mais antigas e que, principalmente, querem sair do básico com uma trama inteligente e cheia de mistérios muito bem solucionados e explicados, volte no tempo (amanhã pode ser tarde demais), assista “O Predestinado” e se prepare para ser surpreendido, mais de uma vez.

***

  1. Soltei bem uns 5 ou 6 ‘PQP!’ durante o filme. As viradas na trama são realmente muito bem boladas.
  2. Finalmente você vai ter uma resposta para todos aqueles que sempre fazem a cretina pergunta: “Quem veio primeiro, o ovo ou a galinha?”. Resposta: “O galo”.

Excelente: Classificação 5 de 5

Predestination posterO Predestinado (Predestination, 2014 – 97 min)
Ficção Científica, Ação.

Um filme de Michael e Peter Spierig (The Spierig Brothers) adaptando conto escrito por Robert A. Heinlein. Estrelando: Ethan Hawke, Sarah Snook e Noah Taylor.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

20 Comments

  1. O filme está disponível no Now da Net. Valeu!

    Post a Reply
    • Excelente dica Thiago.

      Post a Reply
  2. Cara, suas críticas são muito boas! Toda vez que eu entro aqui minha lista de filmes para assistir aumenta! hahaha

    Post a Reply
    • Que bom, fico feliz 🙂

      Post a Reply
  3. tbm adorei o filme, esses temas que abordam viagem no tempo, me fascinam…não é a toa que entrou no meu top 10 dos melhores filmes de 2014!

    Post a Reply
    • Só não entrou na minha porque não foi lançado, mas deixei nas menções honrosas e é mesmo um dos melhores filmes que vi ano passado. Imperdível

      Post a Reply
  4. Vi ontem por causa da tua indicação. Grande filme.

    “A cobra que come o próprio rápido.”

    Post a Reply
    • Pra mim essa é a frase do filme!

      Post a Reply
  5. Entrou na lista de melhores fácil.
    É um filme diferente, ambicioso.

    Ótima crítica, Marcio.

    Post a Reply
    • Obrigado Léo, sim, um dos melhores de 2014 sem dúvidas.

      Post a Reply
  6. Me explicaaaaaaaaaaa!
    hahahaahahha

    Filme muito loucooo!

    Post a Reply
    • O filme é muito louco, mas achei que eçe fecha a história direitinho heehhe é porque tem tanta reviravolta…

      hehehe

      Post a Reply
  7. bom saber da qualidade desse filme! como fã do gênero fico ansioso!

    Post a Reply
  8. Vou esperar pra ver se vai passar no cinema por aqui, senão vejo com Jack Sparrow.

    Post a Reply
    • Cinema, ai nem você viajando no tempo vai conseguir ver esse filme nos cinemas. Pode encomendar.

      Post a Reply
  9. Eu assisti através do app “Pop Corn Time”, dá p baixar no cel e no pc e ver em HD! Muitos filmes q nem estreiaram no Brasil estão disponíveis! Amei o filme! Faz a gente filosofar por horas, pretendo ver novamente p encaixar mais detalhes ao q entendi! 😉

    Post a Reply
  10. realmente trata-se de um filme diferenciado! para fãs de sci-fi então…

    não é tão difícil de entender, mas quase tive uma cãibra do cérebro em um dado momento.

    puta filme, bela dica

    Post a Reply
    • É, esse filme é foda demais e ele tem uns 4 momentos PQP!

      Post a Reply
  11. Assisti ontem, finalmente. O filme é fantástico, redondinho. Uma senhora aula de filosofia. Enquanto ele se passava, eu saía deduzindo que nem um maluco. Estamos eu e minha esposa falando dele ainda, é raríssimo hoje em dia filmes que te deixam pensando e discutindo. Valeu a recomendação man!

    Post a Reply
    • Filmes assim são raros mesmo, que bom que curtiu a dica.

      Grande abraço 🙂

      Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.