O que se espera de sequências cinematográficas é o mesmo que muitos esperam da vida, aprender com os erros para não mais repetí-los. Infelizmente não é o que acontece com “O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (The Amazing Spider-Man 2)” que, apesar de ter efeitos especiais excelentes e boas cenas de ação, revisita aborrecidos e desinteressantes draminhas pessoais de Peter Parker ao mesmo passo que se perde na mistura de vilões e de ameaças que deixam a desejar.

Seguindo os acontecimentos do primeiro filme da (nova) franquia, vamos acompanhar Peter Parker (Andrew Garfield, “A Rede Social“) tendo que lidar com o dilema de cumprir a promessa feita ao falecido pai do amor de sua vida, Gwen Stacy (Emma Stone, “A Mentira“), ou seguir adiante com esse namoro que pode colocá-la em eterno risco de vida. Ao mesmo tempo a Oscorp segue criando problemas para a cidade e novas ameaças surgem para colocar a vida de todos em risco.

O-Espetacular-Homem-Aranha-2-A-Ameaça-de-Electro

É inegável que os efeitos especiais principalmente quando vemos o Aranha ‘voando’ por Nova York de teia em teia estão espetaculares. Dá para sentir até o vento na cara enquanto ele mergulha pelas ruas e ainda se diverte enquanto combate o crime. Outro fato é que Andrew Garfield é muito bom como o Homem-Aranha, ele é sagaz, é divertido e brinca com os vilões a todo instante, pena que ele enquanto Peter Parker tenha deixado de ser um nerd introvertido para se transformar num hipster descolado. O romance entre ele e Gwen também é muito cativante, afinal é realmente difícil não se apaixonar por Emma Stone e se render ao seu talento.

Ainda que as cenas de ação e luta sejam muito legais de se assistir, existe um certo exagero na utilização da câmera lenta. Quando a técnica é repetida lá pela 5º ou 6º vez fica um pouco massante, mas nada que atrapalhe tanto assim. O grande problema encontrado em “O Espetacular Homem-Aranha 2” é mesmo o roteiro que se perde em meio a tantas construções de vilões e que também perde muito tempo no drama dos pais de Peter Parker que, ninguém no mundo além dele, se importa muito com aquilo. A parte que envolve o romance dele com Gwen, ainda que seja ‘fofo’, também fica se arrastando por tanto tempo na indecisão se ela vai ou não deixar Peter que chega a dar sono.

É uma pena que por conta da “Ameaça de Electro”  não se pôde acompanhar a fundo um vilão mais interessante como o Duende Verde que foi muito bem interpretado pelo jovem Dane DeHaan (“Poder Sem Limites“) mas acaba sendo posto um pouco de lado para que possamos ver Jamie Foxx (“Django Livre“) interpretando um boboca que se transforma num vilão ruim e mais boboca ainda. Rino (Paul Giamatti, “Rock of Ages“) em poucos minutos que possui em tela é muito mais interessante e divertido, verdade seja dita. E quando nas cenas finais são apresentados vislumbres de um grupo ainda maior de vilões, fica a dúvida se esse será mesmo um bom caminho a seguir daqui para a frente.

Emma e Garfield

Há de se admirar a coragem de ter eliminado um importante personagem nesse filme, isso sem dúvidas trará um peso que pode ser bem aproveitado nas sequências que deverão vir, afinal “O Espetacular Homem Aranha 2”  é um sucesso de público e, de fato, traz um Aranha bem divertido de se acompanhar. É uma pena que os draminhas chatos e tediosos e o mal aproveitamento do roteiro estraguem um pouco o resultado final. Não chega a ser um filme ruim e até vale o seu ingresso por algumas cenas bem sacadas, mas está longe ainda de ser espetacular.

 

***

  1. A cena com o Aranha ajudando os Bombeiros inclusive usando o chapéu deles é muito divertida.
  2. Emma Stone é uma das melhores atrizes da nova geração.
  3. Parece que o terceiro filme vai ampliar o erro ao trazer um número maior ainda de vilões. Culpa da “Vingadorização” dos filmes de herói. Oremos.
  4. Felícia é interpretada por Felicity Jones, curioso. Será que ela vai ser desenvolvida nos futuros projetos?

Regular: Classificação 2 de 5

PosterO Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (The Amazing Spider-Man 2, 2014 – 142 min)
Ação, Super-Herói

Dirigido por Marc Webb com roteiro de Alex Kurtzman, Roberto Orci e Jeff Pinkner. Estrelando: Andrew Garfield, Emma Stone, Jamie Foxx, Dane DeHaan, Colm Feore, Sally Field, Paul Giamatti, Campbell Scott e Felicity Jones.

Related Posts with Thumbnails