20 melhores filmes de terror da década (2000 – 2009)

Eu estava em dúvida se faria ou não essa lista, até porque não gosto de listas. Sempre fica incompleta e por mais que seja o seu gosto a dúvida entre um filme e outro existe. A primeira coisa seria o critério: Como escolher os vinte melhores filmes de terror da década? Basta colocar em ordem dos que mais gostei? Os que mais me assustaram? Os melhores avaliados pelo público? Os inovadores?  Até porque sempre deixei claro que nos filmes de terror existe um diferencial dos outros gêneros; por melhor que o filmes seja tecnicamente, a raiz do medo também é um fator pessoal. Algumas pessoas tem pânico de zumbis, outras tem muito medo de aliens, tem gente que só em falar em espíritos se arrepia toda… e por aí vai.

Deste modo resolvi fazer a lista pensando em meu gosto pessoal acrescentando o peso do filme para o cinema, não em relação a bilheteria mas ao estilo, inovação e afins. Já sei que é chover no molhado mas é sempre bom lembrar que é MINHA LISTA! Com certeza você vai discordar de alguma coisa, terá algum filme que você não gostou ou algum que gostou e não coloquei, quem sabe até a ordem dos títulos mas é MINHA LISTA. E também tem muitos filmes que ainda não vi e pode ser que depois eu resolva inserir algum aqui. E então? Vamos lá?

20. ATIVIDADE PARANORMAL  (Paranormal Activity)

atividade-paranormal-21

O primeiro filme da série não pode ficar de fora desta lista mesmo tendo muita gente que torça o nariz pra ele. Oren Peli transformou um filme de 15 mil dólares em uma franquia milionária com fãs em todo o mundo e isso por si só já é um grande feito. Eu gostei bastante do resultado, me assustei de forma genuína e senti uma atmosfera de medo como poucas vezes senti em um cinema onde quase sempre saio frustrada por conta da algazarra que algumas pessoas fazem na hora da sessão. Nesse caso toda a sala estava em silêncio e até os gritos eram sincronizados! Mesmo que não tenha gostado é impossível passar batido pelo impacto de Atividade Paranormal I no universo do terror.

.

19. ALTA TENSÃO (Haute Tension) – crítica

Alta tensão

Alejandre Aja conseguiu a atenção do mundo com Alta Tensão. Violento, repleto de adrenalina, com uma protagonista forte e determinada, ele constrói uma história bastante interessante onde você espera tudo menos o que é apresentado. Mas isso não é em tom de  frustração mas sim de boas surpresas.

.

18. PREMONIÇÃO (Final Destination)

premonicao_air_france

O primeiro filme da franquia Premonição tem seu mérito. A história dos adolescentes que sobrevivem a um desastre aéreo por conta da premonição de um deles poderia ter muitas variações: suspense, romance, drama mas o terror um bom caminho. O sucesso do primeiro filme foi tanto que logo rendeu uma franquia que deixou bastante a desejar em relação ao seu pioneiro. A ideia de não poder escapar da morte quando chega sua hora pode ser bem assustadora e cria uma espécie de pânico full time… qualquer coisa, por mais boba que seja, pode causar sua morte. A morte de um dos personagens no banheiro de casa é uma das coisas mais tensas vistas nos filmes da época.

.

17.  ILS ( Then) – crítica

ils

Ils é um filme pouco conhecido pelo grande público mas é um dos clássicos do terror francês queridinho por quem gosta do gênero. Sem grandes recursos técnicos, trabalhando uma atmosfera de suspense presente em quase toda a exibição, Ils resgata um pouco daquele medo quase infantil, onde você não sabe exatamente o que – ou quem – lhe persegue mas sabe que precisa fugir. Ele abriu caminho para outras produções inspiradas na história de seus protagonistas a exemplo do americano Os Estranhos.

.

16. JOGOS MORTAIS ( Saw)

Jogos Mortais 6(2)

Mais um exemplar do grupo Ame ou Odeie, Jogos Mortais I é um filme que precisa estar na lista dos melhores da década. Filmado em apenas 18 dias, os recém formados foram bater na porta dos estúdios com a cara e a coragem, mostrando a história do assassino que não mata suas vítimas diretamente  e usando um único cenário em quase 80% do filme. Com um final surpreendente, não dá para passar imune ao impacto de Jogos Mortais na história dos filmes de terror.

.

15. CLOVERFIELD

cloverfield

Cloverfield chegou aos cinemas cercado de expectativas. O nome de J.J Abrams no projeto – idolatrado por conta de LOST – os sites virais, as informações quase nulas sobre do que se tratava o filme, o hype gerado… tudo isso criou um grande alarde para aquele que seria o filme de monstro mais interessante desde os clássicos Godzilla e King Kong. Todos os envolvidos foram extremamente competentes em passar o medo, o terror e também o desespero de não saber o que está acontecendo. Nesse ponto nós também viramos um personagem: descobrimos tudo junto com eles, passamos pelas surpresas e pelo pânico, tudo isso por conta do método de filmagem – uma câmera amadora.

.

14. MADRUGADA DOS MORTOS (Dawn of the dead)

madrugada

Apesar de não superar – nem de longe – o filme original de Romero, Madrugada dos Mortos veio pra mostrar que um remake pode sim ser bom e conquistar seu espaço sem almejar competir com o antecessor. Sem tempo para respirar, somos jogados naquela loucura que se torna a vida dos personagens presos em um shopping center. Utilizando muito bem o contexto para criar cenas de absoluto suspense como no momento de fuga dentro de uma garagem, em ônibus e quando percebemos que ninguém está de fato a salvo, nem recém nascidos. Vale ressaltar que os extras do DVD são excelentes e merecem ser vistos.

,

13. A INVASORA (À L’Intérieur) critica

invasora

Mais um francês na lista, A Invasora é um dos filmes mais brutais que já assisti. Uma mulher grávida passando por um momento de grande depressão é perseguida e acuada dentro da própria casa por um estranho. Sem poupar o espectador, o filme mostra toda a agonia e agressões pelas quais a protagonista passa, algumas vezes em close. Se já não é fácil encarar a violência na tela … quando envolve uma mulher grávida então, fica ainda mais difícil. Definitivamente não é um filme para todos.

.

12. O ORFANATO (El Orfanato)critica

o-orfanato

O Orfanato é um filme que traz consigo um punhado de clichês que por pouco não afundam o filme e o maior deles é o casarão enorme com uma criança que vê fantasmas. Mas para nossa sorte ele sabe explorar esses elementos e não causa sustos desnecessários e conta com um drama que consegue ser ainda mais intenso que a aura de terror do filme. A história do garoto desaparecido, as questões que envolvem sua origem e o drama familiar são tão bem construídos que o suspense vai se elevando a níveis muito altos, seja na hora do sangue na tela ou da simples sugestão fantasmagórica.

.

11. O CHAMADO (The Ring)

o-chamado

O Chamado é sem dúvida um dos melhores remakes de filmes japoneses.  A cena de abertura do filme é uma síntese de todo o horror que virá pela frente e como uma lenda urbana pode lhe render uma morte assombrosa. A vilã Samara ( Sadako no original) que praticamente nunca aparece no vídeo deixa no ar seu verdadeiro desejo: ajuda? vingança? matar? O que Samara quer? O filme tem cenas que praticamente sufocam com tanta angústia a exemplo da ação em um ferry boat, num poço ou enquanto determinado personagem vê TV. O Chamado abriu as portas para a enxurrada de remakes americanos que encontraríamos a partir do sucesso desta franquia.

.

.

Clique aqui e veja a segunda parte da lista com os 10 primeiros filmes!

Related Posts with Thumbnails

Author: Dani Vidal

Dani Vidal (@danividal) é formada em Relações Públicas e autora do blog Feminina. Apesar de não dispensar um terror recheado de zumbis, chora copiosamente com um bom drama. Acho que nossa postura com a sétima arte é como se achar técnico de futebol. Ninguém é especialista mas todo mundo tem uma opinião e adora criticar a escalação.

Share This Post On

12 Comments

  1. Premonição, Atividade Paranormal e jogos mortais são filmes que seriam muito mais foda sem as 938324 sequencias desnecessarias

    Post a Reply
    • Não entendi no que uma sequência atrapalha a qualidade de um determinado filme.

      Post a Reply
  2. eu teria colocado o Grito nessa lista esse sim foi um filme que me fez sentir medo de verdade..

    Post a Reply
    • Hiii Thiago,
      nem senti esse medo todo deste filme. Espero que gostem da segunda parte – e mais importante.

      Post a Reply
      • e “Espíritos – A Morte Está ao Seu Lado” tbm é legal, bem assustador, tomei altos sustos com esse filme, ah eu sou mole pra essa paradas levo susto facil, a mulher de preto que o diga torci pra chegar alguém em casa pois estava assistindo só, foi tenso kkkk

        Post a Reply
  3. Já na primeira parte e 3 filmes que não assisti, terei que me atualizar.

    Adoro o Chamado, vou esperar a segunda parte mas na minha lista (como vejo poucos filmes do gênero) ficaria na frente eu acho.

    George Romero representado em seu remake está ótimo, aposto que ele deve aparecer mais a frente.

    Ansioso pela segunda parte!

    Post a Reply
  4. Lista muito boa,já assisti todos,que venha a próxima. obs:foto muito suspeita Marcio hahaha.

    Post a Reply
    • Depois de anos bebendo naquela foto, tive que parar por conta desse belo bigode hehehe

      Post a Reply
  5. Cara, gostei muito do “Chamado” e de “Cloverfield”, muito foda.

    Post a Reply
  6. Otima lista! Principalmente os filmes de produção francesa, terror francês é 10/10, os melhores pra mim ahshaush

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.