Universidade Monstros

A Pixar (atualmente Disney/Pixar) criou em torno de si um grande problema ao lançar uma sequência incrível de excelentes e emocionantes filmes, pois, gerou expectativas que nem sempre eles próprios poderão superar ou ao menos igualar. Ainda que tenha me divertido bastante com “Universidade Monstros (Monsters University)” e tenha valido cada minuto de meu precioso tempo, não dá para, por exemplo, colocá-lo no mesmo patamar de outras animações como “Wall-E”, “Ratatouille” ou “Up – Altas Aventuras” que além de serem bem mais divertidas eram tocantes e capazes de fazer até os mais fortes suarem os olhos.

Universidade-Monstros (1)

Prelúdio do ótimo “Monstros S.A”, Universidade Monstros constrói sem grandes novidades a escalada rumo a uma grande amizade entre Wazowski e Sullivan. De início eles não se dão muito bem, ambos disputam vaga para serem um grande assustador, cada um com suas particularidades. Enquanto Wazowski é muito estudioso e focado em seu objetivo, apesar de não ter o principal que é “ser assustador”, Sullivan é arrogante e nada estuda já que possui um talento nato para assustar que já vem de família inclusive.

Quando a última oportunidade para ambos é entrar num concurso que é uma espécie de “Jogos Vorazes do susto”, e na mesma equipe composta ainda por outros membros nada promissores, é que os problemas de relacionamento e ego começam a surgir, o que gera o tempero especial da diversão e algumas cenas bem inusitadas, principalmente envolvendo os outros monstros nerds e socialmente pouco aptos.

Mesmo sem possuir maiores inovações ou momentos inesquecíveis e emocionantes, “Universidade Monstros” é bem divertido e trata-se de uma animação leve e gostosa de se acompanhar. Tem como trunfo também algumas referências bem encaixadas ao longo da história e, para completar, traz de quebra ainda uma lição – manjada, é verdade – sobre perseverança e amizade.

***

  1. A Ditadura da Dublagem me fez ter que ver o filme em casa.
  2. Ainda bem que não precisei ver a cena (mesmo curtíssima) que Michel Teló dublou na versão dublada
  3. É a primeira pequência (prequela/prequel) da Pixar.

universidade-monstros-poster-nacional-02-615x877Universidade Monstros (Monsters University, 2013 – 110 min_
Animação, Comédia

Dirigido por Dan Scanlon com roteiro de  Robert L. Baird, Daniel Gerson e Dan Scanlon. Vozes (no original): Billy Crystal, John Goodman, Steve Buscemi, Helen Mirren, Peter Sohn, Joel Murray, Sean Hayes, Dave Foley, Charlie Day, Alfred Molina, Nathan Fillion, Aubrey Plaza e Bobby Moynihan.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

8 Comments

  1. É, um filme bem feito, mas sem grandes novidades e longe do ótimo primeiro.

    Post a Reply
  2. Devia ter tirado 1 de Estagiários e posto aqui. AHAHAH! Brinks eu curti muito Universidade Monstros. Tem uma lógica totalmente previsível e comum, mas consegue realizá-la muito bem no contexto em que se insere atingindo seu objetivo de entreter de forma bem competente.

    Post a Reply
  3. Eu achei bom pra caralho! Talvez até melhor que o Monstros SA (risos). Só o fato dele não ter um personagem “fofinho” como a Buu e conseguir se sair bem já ganha pontos. Achei massa que tudo faz sentido no final das contas em relação ao Monstros SA. E o jeito como as coisas aconteceram não eram bem da maneira que eu imaginava, principalmente o fato deles só terem ficado amigos “na marra” e de como no final das contas eles foram trabalhar na Monstros SA.

    Post a Reply
    • Achei apenas divertido e legal de se ver man, bom pra caralho é Ratatouille, Wall-E, UP, Os Incríveis, esses sim são fantásticos.

      Post a Reply
  4. É uma pena que não seja tão bom quando o original.O padrão de qualidade Pixar vem caindo desde Carros 2,e estão lançando cada vez mais filmes “normais”.Não estou nem um pouco animado para “Procurando Dory”,pois já está na cara que sequencia em filme da Pixar é igual a furada.Minhas esperanças estão em 2015 com ” The Good Dinosaur”,para mim,promete muito.
    Ficamos muito mal acostumados,e ótima critica aliás.

    Post a Reply
  5. como eu sou fansaço de Anamções deste porte, vou conferir, estou curioso quanto a origem dessas criaturas…diversão garantida pelos menos!

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.