Colheita Maldita (Children of the corn – 1984)

Especial Mês das Crianças

 

 

“Dr. Burton Stanton (Peter Horton) e sua namorada Vicky (Linda Hamilton) estão viajando de carro pelo interior do país quando acabam atropelando um garoto no meio da estrada. Quando Burt percebe que o menino já estava bastante machucado antes mesmo da colisão, ele vai até a cidade próxima em busca de orientação mas vai viver um pesadelo com uma seita de crianças e um milharal assombrado.”

Cidades fantasmas sempre dão um arrepio na espinha. Por isso mesmo me pergunto o porque alguém resolve fuçar um local que aparantemente está abandonado… não é porque não enxergamos o perigo que ele não está alí. Pode me chamar de medrosa mas eu não me importo. Se Burt e Vicky não resolvessem “investigar” a cidade fantasma de Gatlin não teríam se metido em confusão!

Alerta de Spoiler:

Quando se imagina uma seita, dificilmente pensamos em uma seita formada por crianças que idolatram uma entidade chamada de Aquele Que Caminha Por Trás Da Plantação! Esse é o caso de Colheita Maldita. Liderados por Isaac, as crianças matam todos os adultos da cidade e usam o sangue deles para irrigar a grande plantação de milho. Para dar continuidade a esta macabra “irrigação” eles fazem rituais de sacrifício toda vez que uma das crianças completa 19 anos.

Isso é bastante macabro! Ainda mais quando pensamos em crianças matando os pais com machadinhas, tesouras e outros materiais utilizados nos campos.

Este filme é baseado num conto de Stephen King publicado pela primeira vez em 1977. Alguns pontos da história foram modificados como a exemplo da namorada grávida de Malachai e o destino do casal de protagonistas que não é nada feliz!

Fim do Spoiler.

Criança Chave

 

Isaac era uma criança bem estranha! O pequeno pregador usava sempre roupas escuras – uma forma de mostrar sua liderança – tinha um olhar assustador assim como o poder de seduzir e convencer as outras crianças da cidade! Ele organizou o massacre em Gatlin e coordenava os sacrifícios posteriores.

Related Posts with Thumbnails

Author: Dani Vidal

Dani Vidal (@danividal) é formada em Relações Públicas e autora do blog Feminina. Apesar de não dispensar um terror recheado de zumbis, chora copiosamente com um bom drama. Acho que nossa postura com a sétima arte é como se achar técnico de futebol. Ninguém é especialista mas todo mundo tem uma opinião e adora criticar a escalação.

Share This Post On

2 Comments

  1. Faz MTOOO tempo que não vejo o filme, fica até meio ruim de comentar a respeito. Pena que não vou rever, porque é o filme que mais marcou minha infancia (no sentido negativo) hahahahahaha

    Alias, esse Isaac pra mim é pior que o Damien ou qq outro, rs…

    Abs!

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.