A promessa de que “Cowboys & Aliens” seria um dos melhores filmes do ano estava baseada em diversos fatores: A direção estava nas mãos do responsável pelo excelente “Homem de Ferro 2”, (Jon Favreau), o elenco contava com grandes e conhecidos nomes e o choque de “realidades” entre ficção científica e faroeste, além de ‘inusitado’, se mostrava pelos trailers e imagens bastante interessante. Longe de ser um dos melhores do ano de fato, apesar de todo o potencial, ficamos apenas com um trabalho ‘bacaninha’, que diverte por alguns momentos mas que não consegue ir além por conta do desejo explícito de se entregar um filme pouco ousado e mais acessível para todos os tipos de público, um mal cada vez mais presente nas grandes produções do cinema.

A trama é adaptada de uma série de quadrinhos escrita por Scott Mitchell Rosenberg e, no filme, somos apresentados a um cowboy (Daniel Craig, “007 – Quantum of Solace”) que desperta nos arredores desérticos de uma cidade chamada Absolution nos “tempos do velho oeste”. Tentando encontrar respostas a respeito de seu passado, e também sobre um bracelete de metal preso ao seu punho, ele acaba se esbarrando com diversos tipos dentre eles um sujeito que é temido (e manda de certa forma) na pequena cidade (Harrison Ford, “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal”). Mas quando eles menos esperam surgem OVNIS destruindo tudo e capturando as pessoas.

Craig e Ford correndo para as colinas

Tirando o embate inusitado (pelo menos para mim) entre cowboys e aliens todo o resto é bastante manjado. Os arcos das histórias e motivações dos personagens são apresentadas sem grandes novidades, bandidos que agem como mocinhos, união entre inimigos (índios, bandidos, padre, crianças, mulher e até um cachorro) para destruir um mal maior e que, pelo menos de início, parece ser imbatível. E claro, o que fica no final são lições de perseverança, amizade e conquistas alcançadas mediante dedicação e esforço.

Talvez boa parte da culpa de termos uma trama nada original e que não reserva nenhuma grande surpresa se deva ao fato da produção contar não com um ou dois roteiristas, mas sim um verdadeiro time. Junte-se a isto a questão de que grandes produções (blockbusters) estão atualmente tentando visar maiores lucros fazendo filmes para públicos mais amplos, abrindo mão da originalidade e inteligência em detrimento a fórmulas conhecidas e que não desafiam nem um pouco o espectador. Na verdade algumas vezes simplesmente esquecem até da gente, como por exemplo em uma determinada parte do filme em que dizem que vão explorar a visão debilitada dos aliens à luz do sol, mas 2 minutos depois quando eles entram em ação a impressão que dá é que eles enxergam até melhor que os humanos na claridade.

Mesmo sendo um filme que não se propõe a sair do “lugar comum”, daqueles que parecem destinados aos domingos a tarde na tv, “Cowboys & Aliens” diverte e traz bons momentos de entretenimento. Grande parte da culpa é do elenco bem distribuído que traz, além dos já citados Daniel Craig e Harrison Ford, nomes importantes no elenco de apoio como os de Sam Rockwell (“Lunar”), Paul Dano (“Sangue Negro”), Walton Goggins, Clancy Brown e até mesmo a presença da linda (que olhos!) da Olivia Wilde (“Turistas”) é bem vinda e seu papel foge um pouco do costumeiro par romântico do herói.

Olivia Wilde, a destemida

Tanto para os amantes dos gêneros faroeste (western), quanto para os amantes de ficção científica, o filme reserva bons momentos e um cuidado até precioso na parte visual e também nos efeitos especiais. Pena que a diversão apresentada aqui seja a trivial, a busca por algo mais seguro e com “retorno garantido” acaba fazendo de “Cowboys & Aliens” uma diversão fugaz, daquelas que não vão deixar marcas, nem saudades.


Cowboys & Aliens (2011 – 118 min)
Faroeste, Ficção científica

Um filme de Jon Favreau com roteiro de Roberto Orci, Alex Kurtzman, Damon Lindelof, Mark Fergus e Hawk Ostby. Estrelando: Daniel Craig, Harrison Ford, Olivia Wilde, Sam Rockwell, Adam Beach, Paul Dano, Noah Ringer, Abigail Spencer, Buck Taylor, Matthew Taylor, Cooper Taylor, Clancy Brown e Chris Browning.

Related Posts with Thumbnails