O Vencedor (The Fighter)

Baseado em fatos reais, trazendo na linha de frente Christian Bale e Mark Wahlberg e um dos 10 indicados ao Oscar de melhor filme do ano, são essas as ‘credenciais’ de “O Vencedor (The Fighter)”. Trazendo belas atuações e uma incrível história é difícil não se emocionar com este ótimo filme que merece todas as 7 indicações que recebeu da maior premiação do cinema.

A trama segue a história de vida de Dicky (Christian Bale, “O Cavaleiro das Trevas”, “Inimigos Públicos”) e seu irmão Micky (Mark Wahlberg, “Max Payne”). Enquanto Dicky ainda vive de uma glória do passado quando derrubou no ringue um grande lutador, Micky se sente frustrado por ter como treinador seu irmão (que sempre está sumido usando crack) e sua mãe como empresária. Apesar de serem família, as decisões e também a falta de atenção que recebe o deixam em uma complicada situação.

O embate de amar a família e continuar seguindo os conselhos (nada bons) deles ou então procurar melhores opções para a sua vida, coloca Micky em uma difícil situação. Entra aí em cena a gracinha da Amy Adams (“Dúvida”) para complicar ainda mais a história.

O título nacional do filme não é tão ruim e evidencia que existe um vencedor em toda a história, porém, depois de assistí-lo fica evidente que a vitória não é só de uma pessoa, mas de todos. Aliás, é aí que entra um dos pontos fortes do filme, a história de vida dessas pessoas é belíssima e, não fossem as excelentes atuações, poderia se transformar em melodrama barato de quinta categoria.

Do elenco o destaque vai para o trio Bale, Wahlberg e a senhorita Amy Adams. Talvez o papel da bonitinha que trabalha num bar seja o mais simples, ainda assim é bem feito. Mark Wahlberg e sua carinha de deprimido pode ser clichê, mas ele se entrega direitinho em seu papel. Agora, quem continua me “assustando” é Christian Bale, hora bombado para viver o homem morcego e hora esquálido para viver um viciado em crak ou um operário louco. Fico só imaginando a família do cara na vida real como deve viver preocupada.

Histórias dramáticas de pessoas que venceram na vida (e não estou falando apenas no boxe) não são nenhuma novidade mas, quando bem executadas, é impossível você não se emocionar. Me sinto feliz por ser uma pessoa que entra na onda do filme e vivencia a experiência sem ficar se preocupando com quesitos técnicos ou enumerando defeitos, “O Vencedor” me emocionou bastante e cinema pra mim é isso.


O Vencedor (The Fighter – Drama, 2010 – 115 min)

Dirigido por David O. Russell com roteiro de Scott Silver, Paul Tamasy, Eric Johnson e Keith Dorrington. Estrelando: Mark Wahlberg, Christian Bale, Amy Adams, Melissa Leo, Mickey O’Keefe e Jack McGee.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

11 Comments

  1. Melo já falou tudo e muito bem. Filme é bom, merece ser assistido e sem dúvida alguma merece estar nessa lista do DEZ MAIS no Oscar (que está melhor do que ano passado, eu acho).

    Bale o senhor ganha/perde peso rsrs
    Melhor coadjuvante? Será? ;D

    Post a Reply
  2. To com este filme há um tempao pra assistir, faz mto tempo que nao vejo algo de Wahlberg. Sua uyltima estrofe falou tudo, a emoção que faz a gnt se envolver com o filme é o que importa. Gosto do tema, vou ver em breve depois conto o que achei.

    Abs!

    Post a Reply
  3. Ainda não assistir a todos, mas considero Bale o Ledger de 2011. Acho quase impossível ele perder essa. A dedicação e entrega dele para este filme é algo inacreditável.

    Já faz uma semana que assisti ao filme e às vezes me pego cantarolando “I started Joke”, para mim uma das cenas mais emocionantes do Cinema neste início do ano.

    Além de nos fazer vibrar com a reta final de forma genuína.

    Post a Reply
    • Esta cena é demais man, é de chorar e é daquelas que realmente ficam guardadas na memória!

      Post a Reply
  4. Caio Costa
    Essa cena do “i started a joke” dará o Oscar a Melissa Leo.
    No geral, achei um bom filme do “gênero” boxe, mas não me emocionou tanto assim.

    Post a Reply
  5. Já queria assistir agora com sua crítica quero ainda mais!

    Post a Reply
  6. Ótimo filme mesmo, também gostei. História simples que ganha força com um ótimo roteiro e excelentes atuações, sem maluquices e complicações.
    ehehehehe

    Post a Reply
  7. O filme é muito bom, também gostei. A atuação de Bale é fantástica e é quase certo que ele ganhe o Oscar mesmo.

    Post a Reply
  8. Também curti mais O Vencedor do que O Discurso do Rei, são bons filmes mais O Vencedor emociona e empolga mais, sem contar a atuação do Christian Bale que é sem comentários!

    Curti muito tb Splice(me lembrou muito o clássico A Mosca) e Lixo Extraordinário(filme obrigatório, emocionante!).

    Post a Reply
    • Ganhei convites pra confirar Splice, estão falando bem do filme mesmo. E o documentário tratarei de assistir essa semana ainda!

      Post a Reply

Trackbacks/Pingbacks

  1. Tweets that mention O Vencedor (The Fighter) | Porra, man! -- Topsy.com - [...] This post was mentioned on Twitter by Marcio Melo, Porra,man!. Porra,man! said: O Vencedor (The Fighter) http://goo.gl/fb/cDjcJ #PorraMan #autopost…
  2. E a colé de merma desse Oscar 2011? | Porra, man! - [...] Rei“ (12), “Bravura Indômita” (10), “A Origem (8)“, “A Rede Social” (8) e “O Vencedor” [...]
  3. Oscar 2011, vencedores! | Porra, man! - [...] aquele discurso de Melissa Leo quando ganhou o prêmio de melhor atriz coadjuvante com o filme “O Vencedor”? Chato…
  4. Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge (The Dark Knight Rises) | Porra, man! - [...] se no embate principal temos Christian Bale (“O Vencedor”) e Tom Hardy (“Guerra é Guerra”) detonando, o que dizer…
  5. Ted - 2012 | Porra, man! - [...] trama conhecemos a história de dois amigos inseparáveis, John (Mark Wahlberg, “O Vencedor”) e seu ursinho chamado Ted, que…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.