Homem de Ferro 2 (Iron Man 2, Ação: 2010 – 124 min)

Dirigido por Jon Favreau com roteiro de Justin Theroux. Estrelando: Robert Downey Jr., Gwyneth Paltrow, Don Cheadle, Scarlett Johansson, Sam Rockwell, Mickey Rourke, Samuel L. Jackson, Clark Gregg, John Slattery, Garry Shandling, Paul Bettany e Leslie Bibb.

De todos as grandes estréias deste ano nos cinemas, sem dúvida alguma, um dos filmes mais esperados era mesmo o “Homem de Ferro 2 (The Iron Man2)”. E este hype que girou em torno desta produção durante muito tempo com uma enxurrada de imagens, cenas e trailers, foi devido ao grande sucesso de seu antecessor e todas as novidades apresentadas. O melhor de tudo é que, ao menos em minha opinião, temos aqui uma continuação que supera o primeiro filme e que fez valer toda a expectativa gerada.

A trama começa exatamente no ponto em que o primeiro parou e segue a trajetória de Tony Stark (Robert Downey Jr, Sherlock Holmes) lidando de maneira bem peculiar e narcisista com todo o alvoroço em cima da sua revelação de ser mesmo o Homem de Ferro. Tony Stark descobre que a mesma coisa que o mantém vivo está na verdade o matando lentamente. Outro grande problema é que um inimigo com ligações com as indústrias Stark começa a surgir, sem contar que a Hammer (concorrente da Stark) também está de olho nesta poderosa tecnologia.

Sem entrar no erro que muitas continuações cometem que é aumentar tudo se valendo do “quanto mais melhor”, o diretor e também ator Jon Favreau (Encontro de Casais) acertou em cheio aqui. Os novos atores/personagens ao invés de serem jogados de qualquer maneira tiveram seu momento e tempo para serem apresentados, sem contar que suas motivações foram todas bem ligadas e encaixadas no belo roteiro de Justin Theroux que escreveu também Trovão Tropical.

Robert Downey Jr. mais uma vez comprova que nasceu e viveu até aqui para ser Tony Stark. Como era de se esperar, ele rouba a cena e faz um excelente trabalho. Notem ainda como Mickey Rourke (O Lutador), que possui um histórico de vida semelhante a Downey Jr., convence bastante no papel do vilão ‘chicotinho power’. Acrescentamos ainda a participação memorável do grande Sam Rockwell (Lunar) fazendo um trabalho incrível (e por vezes até cômico de tão bom) como o presidente das indústrias Hammer.

Aposto ainda que teve gente que nem notou que o personagem feito por Don Cheadle substituiu Terrence Howard como Tom Rodhes, o máquina de combate. E confesso ainda que estava apreensivo quanto a participação de Scarlett Johansson (Vicky Cristina Barcelona) como a viúva negra, mas ela realmente não decepciona e faz um trabalho muito bom como personagem de ‘suporte’ (e que suporte!). Ainda teve espaço para Samuel Jackson aparecer com o Nick Fury e até o diretor Jon Favreau fazer gracinhas como Happy Hogan (atuando espertamente em cenas ‘quentes’ com a Scarlett). E para os mais antenados teve até uma rápida aparição da musa nerd Oliva Munn.

Para os fãs da Marvel então foi um verdadeiro deleite, já que tivemos diversas referências deixadas durante a trama (de forma bem clara) de outros heróis que futuramente vão aparecer nos cinemas em seus filmes ‘solo’ para depois contracenarem juntos no filme dos Vingadores, com direito até uma aparição numa cena pós créditos*.

Muita gente pelo visto andou reclamando que teve pouca ação, de fato muitos (conforme aquela ‘regra’ de aumentar tudo nas sequências que alguns seguem) esperavam inúmeras explosões e correrias o tempo todo, mas nem sempre ‘mais’ é melhor. O filme possui três excelentes sequências de ação muito bem desenhadas, interligadas e construídas durante a história, e isso é na verdade um grande ponto positivo.

Mesmo que poucos concordem comigo, eu não tenho medo de expressar minha opinião e dizer que achei que “Homem de Ferro 2” foi superior ao seu antecessor que, por sua vez, foi um ótimo filme. Trata-se mesmo de uma obra bem trabalhada e que soube respeitar a história do herói construída ao longo do tempo nas HQs. Os novos atores entraram realmente para ‘somar’ (modo futebol) e as cenas de ação são muito bem executadas e interligadas com maestria. Daquelas obras mais do que recomendadas para todos que se divertiram com o primeiro filme.

* Se você não aguentou e saiu do cinema antes dos créditos ou se o cinema onde você foi não passou a cena, veja aqui no youtube: Cena Pós Créditos do filme Homem de Ferro 2.

Related Posts with Thumbnails