castelo-animado-poster

O Castelo Animado (Hauru no ugoku shiro – Japão, 2004 – 119 min)
Direção: Hayao Miyazaki.
Roteiro: Hayao Miyazaki, Diana Wynne Jones (livro).
Elenco (Vozes no original): Akihiro Miwa, Akio Ôtsuka, Ryunosuke Kamiki , Tatsuya Gashuin, Yo Oizumi.
Gênero: Animação, Fantasia, Aventura.

Sinopse: Sofia é uma jovem de 18 anos que trabalha na chapelaria de seu pai. Em uma de suas raras idas à cidade ela conhece Howl, um mágico bastante sedutor mas de caráter duvidoso. Ao confundir a relação existente entre eles, uma feiticeira lança sobre Sofia uma maldição que faz com que ela tenha 90 anos. Desesperada, Sofia foge e termina por encontrar o Castelo Animado de Howl.

Antes de comentar sobre o filme eu preciso agradecer a duas pessoas, primeiro ao meu amigo Ramon que me fez assistir “A Viagem de Chihiro” numa rápida passagem que este excelente filme teve aqui em Salvador na época. A outra pessoa que preciso agradecer é ao Hayao Miyazaki, que pela segunda vez (primeiro com “Chihiro” e agora com “O Castelo Animado“) me transportou a um universo mágico e fantástico.

casteloanimado-cena

Adaptado do livro da britânica Diana Wynne Jones, “O Castelo Animado (Howl´s Moving Castle nos EUA)” além de um visual deslumbrante, conta com uma trama muito inteligente. É uma resposta contundente aos que acreditam que este tipo de animação está morta, que só existe espaço para as animações em 3d.

Na história somos apresentados a jovem Sophie, que trabalha incansavelmente na chapelaria de seu pai. Certo dia, andando pelas ruas, ela conhece um sedutor feiticeiro conhecido como Howl, que tem fama um pouco duvidosa. Seus problemas se iniciam quando uma feiticeira lança sobre ela uma maldição que faz com que ela tenha 90 anos. Em desespero, Sophie acaba adentrando-se no Castela Animado pertecente a Howl.

howls_moving_castle_gal

Os personagens são muito cativantes, temos o pequeno demônio Calcifer (o foguinho que é responsável por todo deslocamento e demais funções do Castelo Animado), um espantalho chamado por Sophie de “Cabeça de Nabo” sempre disposto a ajudar, dentre muitos e muitos outros que são simplesmente excelentes e contribuem bastante para enriquecer a história.

O mais incrível é que por trás de toda a trama ainda vemos um manifesto “anti-guerra“, já que no mundo de Sophie está sendo arrasado por feiticeiros e naves voadoras de combate. São inúmeras tramas paralelas e entrelaçadas, muito bem desenvolvidas, aliadas a visuais fascinantes que fazem de “O Castelo Animado” um ótimo filme.

bird-howl-and-sophie

É uma pena que grande parcela do público parece não se interessar muito por obras tão completas como esta, sempre dando preferências a visuais modernos e histórias quase sempre descartáveis. Faça como eu caro leitor, crie sua própria lista de filmes a assistir e marque com certa urgência não só “O Castelo Animado“, mas também o ainda melhor “A Viagem de Chihiro“.

Related Posts with Thumbnails