Gran Torino (Gran Torino EUA, 2008 / Brasil, 2009 – 116 min)grantorino-poster

Direção: Clint Eastwood.
Roteiro: Nick Schenk, Dave Johannson.
Elenco: Clint Eastwood, Christopher Carley, Bee Vang, Ahney Her, Brian Haley, Geraldine Hughes, Chee Thao.
Gênero: Drama.

Sinopse: O funcionário aposentado da indústria automotiva Walt Kowalski (Clint Eastwood) é um veterano da Guerra da Coréia. Ele preenche seus dias fazendo consertos em casa, tomando cerveja e com visitas mensais ao barbeiro. Inflexível e com determinação inabalável, vive num mundo em transformação e se vê forçado pelos vizinhos imigrantes a confrontar seus próprios preconceitos.

O bom e velho Clint Eastwood mais uma vez comprova todo seu talento como ator e diretor. Desde o premiado “Menina de Ouro” que ele não repetia este feito tendo se dedicado a trabalhar exclusivamente atrás das câmeras. Depois do monótono e sem graça “A Troca“, vemos novamente um execelente trabalho do quase oitentão Clint.

gran-torino-cena

Eastwood interpreta Walt Kowalski, um veterano de Guerra que acaba de perder sua esposa. Walt é um sujeito rude ao extremo, preconceituoso e que não possui um bom relacionamento com seus familiares. Seus dias são preenchidos com trabalhos domésticos, tomar cerveja e cuidar de seus únicos amores: seu carro ‘Gran Torino‘ e sua cadela Daisy.

Walt é tão saudosita que possui a bandeira americana hasteada na frente de sua casa, com um gramado impecável o que salta bastante aos olhos já que seu bairro é totalmente tomado por imigrantes, que ele claro se indigna sempre. Ele acaba se envolvendo com seus vizinhos orientais (os “china“) e se afeiçoando a eles.

gran-torino-cena2

O jeito nada simpático e altamente desaprovador em relação aos ‘rumos’ que o mundo tomou segundo a concepção de Walt, nos apresenta cenas engraçadíssimas, que são vistas também nos diálogos que ele tem com seu jovem vizinho ‘china’. Isto ajuda a tornar o filme menos denso que outros de seus trabalhos.

Mesmo apresentando pequenos defeitos – como na atuação do jovem Thao que deixa um pouco a desejar em alguns momentos importantes – “Gran Torino” consegue facilmente prender sua atenção por sua bela história, que não tem nada de complexa mas é bastante envolvente. Clint Eastwood comprova mais uma vez seu talento como ator (e diretor) e nos traz novamente um filme grandioso.

Related Posts with Thumbnails