O Lutador (The Wrestler)

O Lutador (The Wrestler: EUA, 2008 / Brasil 2009 – 115 min )

lutador-poster02

Direção: Darren Aronofsky.
Roteiro: Robert D. Siegel.
Elenco: Mickey Rourke, Marisa Tomei, Evan Rachel Wood, Mark Margolis, Todd Barry, Wass Stevens, Judah Friedlander, Ernest Miller.
Gênero: Drama.

Sinopse: Um lutador é obrigado a encerrar a carreira após sofrer um infarto durante uma luta. Só que ele recebe uma proposta para enfrentar seu grande ex-rival, que pode permitir que retome a dignidade perdida.

Alguns diretores são diferenciados, e este é o caso de Darren Aronofsky que já fez grandes filmes como “Requiem para um Sonho” e “Pi” (esse está em minha lista de filmes a assistir). Não foi à toa que “O Lutador (The Wrestler)” foi indicado e também ganhou diversos prêmios conceituados. Poucos são os filmes que me deixam sem ar ao término, poucos conseguem me emocionar e me dar vontade de aplaudir de pé, este definitivamente é um deles.

A trama acompanha lutador de lutas-livre Randy “The Ram” Robinson (Randy “O Carneiro”) – interpretado magnificamente por Mikey Rourke – que após sofrer um infarto ao final de uma de suas lutas, é obrigado a se aposentar dos ringues. O filme se passa 20 anos após o auge das lutas livre, que se deu nos anos 80. Sendo assim, além de lutar Randy precisa fazer alguns ‘bicos’ para sobreviver. Com a proposta de enfrentar um grande ex-rival seu, Randy fica sem saber se para ou se continua a fazer a única coisa que ele consegue fazer bem.

lutador-cena

A vida de Mikey Rourke se ‘confunde’ com a de seu personagem, ele também já teve seu auge e acabou ‘sumindo do mapa’. Depois de estrelar “Sin City” e agora com este filme parece que finalmente ele ganhou o reconhecimento merecido por seu trabalho. Sua atuação é simplesmente fantástica, eu não duvido jamais da capacidade de Sean Penn, mais alguém que já assistiu “Milk” pode me dizer se ele realmente mereceu o Oscar? Até o jeito de respirar e de andar é agonizante em “O Lutador“.

Para quem gosta de filmes de superação ou lições de vida esqueça “O Lutador“, este é um Drama com “D” maiúsculo. A cena final do filme é espetacular. Alguns podem achar um desfecho meio ‘sem noção’, mas como disse no início, poucos são os filmes que merecem nota máxima, poucos também são os que sabem apreciá-lo. Uma obra excelente e imperdível, um dos melhores do ano e olhe que ele ainda está começando.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

8 Comments

  1. Esse definitivamente já está no meu top 10 de 2009. Foda.

    Post a Reply
  2. Realmente o filme eh emocionante, no termo de drama e sem aquela historia de superação ou lição de vida. Realmente Mikey Rourke merecia o Oscar, mas n gostei tanto assim não.
    Talvez, não tive olhos pra apreciar tal obra e a cena final poderia ser mais emocionante.

    Post a Reply
  3. Olá! Sou português, descobri este site há umas semanas e desde logo o adicionei aos meu favoritos. Estou de acordo com a grande maioria das opiniões que o autor expressa sobre os filmes aqui apresentados e por isso sou já um leitor habitual.

    Relativamente ao The Wrestler estou plenamente de acordo com a crítica, é desde já um dos melhores filmes do ano!
    Curiosamente tenho vindo a falar com alguns amigos meus sobre o filme e para meu espanto, a maioria deles não gostou, dizem que o filme é demasiado parado, que a história é fraca, que o final é mau, etc.
    Ao ler a crítica aqui no site, não poderia estar mais de acordo quando o autor escreve:[…]poucos também são os que sabem apreciá-lo[…], acho que sem dúvida isso passa-se com este filme.

    Parabéns pelo site!

    Post a Reply
  4. Olá Fernando, muito obrigado pelos elogios.

    Agradeço bastante sua visita e também pelo seu comentário, concordo contigo.

    Abraços!

    Post a Reply
  5. Só assisti hoje esse filme, gostei do filme, mas confesso que não achei sensacional não. E correndo o risco de levar pedradas aqui nos comentários, eu achei várias coisas até bem clichês. Mas vale a pena assistir, é bonito, bem cuidado e as cenas de lutas são muito boas!

    Post a Reply
  6. Entendo, teve gente que odiou o filme, principalmente o final.

    Eu realmente adorei. É tipo um Rocky Balboa, so que ele não dá a volta por cima hehehe

    Post a Reply
  7. quero ver….
    mesmo sendo drama!!!
    tem aguns filmes de drama que eu gostei como:
    Menina de ouro e A vida é bela…
    quem sabe esse não pode ser o próximo!!!

    Post a Reply

Trackbacks/Pingbacks

  1. Milk - A Voz da Igualdade | Porra, man! - [...] ter visto a atuação espetacular de Mikey Rourke em “O Lutador (The Wrestler)” eu particulamente achava bastante complicado e…
  2. Lições que aprendi com o Cinema em 2009 | Porra, man! - [...] Lute até o fim e não deixe a vida lhe [...]
  3. Crítica do filme Homem de Ferro 2 | Porra, man! - [...] era de se esperar, ele rouba a cena e faz um excelente trabalho. Notem ainda como Mickey Rourke (O…
  4. Crítica: Pi, lançado em 1998 por Darren Aronofsky | Porra, man! - [...] filmografia. Darren Aronofsky é responsável por trabalhos como “Réquiem para um Sonho” e “O Lutador (The Wrestler)”, sendo que…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.