Vicky Cristina Barcelona

Vicky Cristina Barcelona
(Espanha, EUA 2008) – 96 min

Direção: Woody Allen.
Roteiro: Woody Allen.
Elenco: Rebecca Hall, Scarlett Johansson, Penélope Cruz, Javier Bardem, Christopher Evan Welch, Chris Messina, Patricia Clarkson, Kevin Dunn, Julio Perillán e Josep Maria Domènech.
Gênero: Romance, Comédia.

Sinopse: Duas jovens americanas – a conservadora Vicky e a aventureira Cristina – viajam para Barcelona a fim de passar as férias de verão e acabam se envolvendo em confusões amorosas com um artista extravagante e sua insana ex-esposa.

Woody Allen que ultimamente anda ‘rondando’ a Europa para fazer seus filmes fez sua ‘última parada’ em Barcelona para realizar “Vicky Cristina Barcelona“, contando inclusive com dois grandes atores espanhóis: Javier Bardem e Penélope Cruz. Claro que não poderia faltar sua atual musa Scarlett Johansson. Uma pena que o resultado de tudo isso, pelo menos em minha opnião, não foi nada além de um bom filme, com toda certeza esperava mais.

A trama acompanha a história de duas amigas com comportamentos diferentes, Vicky (Rebecca Hall) e Cristina (Scarlett Johansson). Enquanto Vicky é uma mulher que podemos classificar como ‘conversadora‘ ou do tipo ‘certinha‘, noiva, prestes a se casar e que vai a Barcelona a trabalho/estudo, Cristina é mais ‘aventureira’ ou ‘liberal’ e vai apenas para fazer companhia e se divertir. Uma vez chegando na espanha elas conhecem um pintor chamado Juan Antonio (Javier Bardem) que as convida para um fim de semana em Oviedo.

O fim de semana em Oviedo junto com Juan Antonio acaba mudando o destino das duas e as fazem cometer atitudes aparentemente não muito naturais ou pensadas. A partir deste ponto a história vai se desenrolando e temos também a excelente participação de Penélope Cruz, que dá uma vida a mais trama, que de início é um pouco monótona.

Woody Allen conduz o filme mostrando as diferenças entre os casais e pessoas mais conservadoras com os ditos casais ou pessoas ‘modernas’, mostrando visões distintas sobre o amor, tudo com um toque de humor muito leve e divertido. Ele conduz muito bem toda essa difícil definição e discussão em torno do amor e das formas que as pessoas tendem a se relacionar entre si. Ainda sim a narração em off em excesso me irritou bastante. Fora que a primeira narração em off que acontece no iniciozinho do filme vem acompanhada de uma irritante musiquinha.

Na verdade não é só a tal narração que incomoda, ao meu ver não tem nada de extraordinário ou interressante a ponto de tornar o filme ótimo. Até o polêmico beijo entre Penélope e Scarlett é sem graça e não valeu nem um pouco todo o ‘alarde’ em torno deste acontecimento. No geral eu diria que é um bom e divertido filme com doses leves e certeiras de humor. Vale a pena e eu recomendo.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

8 Comments

  1. Pois é, eu só dei 2 estrelas pq esperava muito mais de Woody Allen. Se fosse dirigido por “zezinho” talvez eu considerasse mais, ou não.
    hahahahahaha

    Post a Reply
  2. O problema é ficar esperando demais heheh
    Tem que ir ao cinema sem expectativa.
    Mas o filme é muito bom, muito mesmo. Muito acima da média de qualquer filme de “comédia romântica” lançado esse ano.

    Post a Reply
  3. É difícil ir sem ou com poucas expectativas para o cinema ver um filme de Woody Allen com um elenco destes e em Barcelona hehehe.

    Ainda sim o filme é bom mesmo, só não achei extraordinário…

    Post a Reply
  4. aqui na áfrica não tem cinema
    será que rola um link!

    thanks

    Post a Reply
  5. ainda nao vi este filme…mas as minhas melhores amigas ja o foram ver e dizem que e realmente muito bom!
    e como acredito nelas, pois temos os mesmos gostos, sei que posso comentar.
    se este filme nao e extraordinariio entao qual sera?

    Post a Reply
  6. Barbara, é um filme bom e divertido mas pra ser sensacional infelizmente ainda falta um pouco 🙂

    Post a Reply
  7. Porra, man… Suas crítias são rasíssimas, man.
    Além disso, você se mostra pouquíssimo sensível: Vicky Cristina Barcelona fala sobre amor – de maneira extremamente competente, por alguém que ficou velho falando sobre isso e vivendo isso.

    Tu é fraco – fraquíssimo.

    Post a Reply
  8. Sou fraco e possuo uma grande quantidade de pessoas fracas que se interessam pelo que escrevo.

    Raso mesmo, a proposta do blog se você tivesse o mínimo de inteligência para dar uma olhada (http://www.porraman.com/about/) , não está aí para enfeitar é justamente esta.

    Não desisto porque escrevo do jeito que quero e que gosto, em MEU BLOG.

    Faça o seu com seus textos riquíssimos e profundos (tal qual a camada do pré-sal) e seja feliz.

    []´s

    Post a Reply

Trackbacks/Pingbacks

  1. Vicky Cristina Barcelona | Jogos Online - [...] Barcelona a fim de passar as férias de verão e acabam se envolvendo em confusões amoros… leia mais fonte:…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.