Dreamgirls – Em Busca de um Sonho.

Direção: Bill Condon.
Roteiro: Bill Condon.
Elenco: Jamie Foxx, Beyonce Knowles, Eddie Murphy, Danny Glover, Anika Noni Rose, Jennifer Hudson, Keith Robinson, Bobby Slayton.
Ano: 2006 (EUA) / 2007 (Brasil).
Gênero: Musical, Drama.
Tempo: 131 min.

Sinopse: Três amigas moram em Chicago e formam um grupo musical, as Dreamettes. Acompanhadas por um compositor, viajam a Nova York para competir em um show de talentos. Apesar de não terem sucesso nessa ocasião, são apresentadas a um empresário que quer transformá-las em estrelas.

Depois das indicações ao Oscar de Eddie Murphy para ator coadjuvante e principalmente depois de Jennifer Hudson levar a estatueta como melhor atriz coadjuvante, fiquei interessado em ver Dreamgirls, mesmo sendo um musical. Musicais as pessoas andam cantando, falam cantando, respondem cantando, e eu não curto muito isso. Mas é incrível como ultimamente tenho visto alguns musicais e gostado.

Em Dreamgirls temos um musical que na verdade passa mais como um divertimento, pois a história acaba estragando um pouco os belos números e belas canções apresentadas. Além de ser um pouco grande demais o filme, a história se perde e as vezes você fica sem entender para onde querem te levar, e quando tudo termina eu achei muito sem graça. De qualquer forma é um bom filme.

Baseado na história da banda “The Supremes“, que chegou ao sucesso liderado por Diana Ross, a trama inicia na década de 60 em Detroit com um grupo de 3 garotas, as Dreamettes, que sonham em chegar ao estrelato. Auxiliadas pelo ‘empresário‘ Curtis Taylor Jr. (Jamie Foxx), elas seguem como backing vocals do grande cantor ‘do momento‘ James Early (Eddie Murphy) e começam a fazer sucesso.

Os problemas iniciam quando Curtis Jr. decide trocar a cantora principal Effie (Jennifer Hudson) – que sempre liderou o grupo e tem a melhor voz disparada – por Deena Jones (Beyonce Knowles) por ela ser mais bonita. Daí começam os conflitos, e é justamente no ponto que a personagem de Beyonce Knowles aparece com mais destaque que o filme fica chato, se perde, demora pra terminar e quando termina você fica com a sensação que poderiam ter caprichado mais, ou pelo menos usado todo o grande tempo (131 minutos) para contar uma história melhor.

As atuações no filme estão ótimas com destaque claro para Jennifer Hudson (cheguei a citá-la como único destaque do filme Sex And The City) que parece que leva jeito mesmo pra coisa. Quem diria que saída do American Idol já ganharia Oscar e tudo o mais? Eddie Murphy também está ótimo e um dos papéis que mais gostei foi o de Jamie Foxx, ele faz muito bem o personagem Curtis Taylor Jr., para mim um dos melhores no filme. Beyonce coitada, ficou difícil a situação dela, com tantos bons atores interpretando tão bem, ela fica bem ofuscada no filme. Não chega a ser uma péssima atuação, mas deixa um pouco a desejar.

Menos um em minha famosa lista de filmes à assitir, aquela boa companheira para quando você pensa em alugar algum filme (ou obtê-lo de qualquer outra forma nada bela). Esse eu recomendo como um bom divertimento, os números musicais são muito legais, no geral as atuações são ótimas também. Ficou faltando um pouco mais de história e um pouco menos de tempo, mas isso é pouca coisa quando você está afim mesmo é de entretenimento.

Related Posts with Thumbnails