Kung Fu Panda

Direção: Mark Osborne, John Stevenso.
Roteiro: Jonathan Aibel, Glenn Berger, Ethan Reiff, Cyrus Voris.
Elenco: Jack Black, Dustin Hoffman, Angelina Jolie, Jackie Chan, Lucy Liu, Seth Rogen.
Ano: 2008.
Gênero: Animação, Comédia.
Tempo: 92 min.

Sinopse: Um urso panda desajeitado é escolhido para cumprir uma profecia, o que faz treinar com seus ídolos do kung fu. Com vozes de Jack Black, Angelina Jolie, Dustin Hoffman, Lucy Liu, Seth Rogen, Jackie Chan e Michael Clarke Duncan.

Sempre que alguma animação aporta em nossos cinemas, o meu grande amigo Ramonaldo vem reclamar sobre a falta de cópias legendadas. Raros sãos os filmes de animação que aparecem aqui em Salvador que as pessoas lembram que não são apenas crianças que os assistem. Eu confesso que geralmente vou e assisto dublado mesmo, apesar de não gostar tanto, tem alguns filmes que não faz tanta diferença. Mas em Kung Fu Panda fica complicadíssimo deixar de conferir as vozes originais dos grandes atores Jack Black, Dustin Hoffman, Angelina Jolie, Jackie Chan e Lucy Liu.

Se aqui na cidade não pintou uma cópia sequer sem ser dublada com Juliana Paes como será que eu assisti legendado? Utilizem suas mentes e criatividade e vamos em frente. O filme em si é bem divertido e tem uma história bacana. Como sempre a Dreamworks faz animações mais ‘despojadas‘ e bem humoradas, explorando muitas vezes aquele lado nada “exemplar” de seus personagens. Po é um panda gordo e preguiçoso e que sonha em ser um grande mestre do Kung Fu. Simples assim.

Não achei um filme fantástico, mas tenho que admitir que é um filme que vale a pena, pois a diversão é garantida. A história é simples, as mensagens também são bem diretas e até meio batidas, mas isso como sempre digo, conta ponto positivo quando bem executado. Um filme para todas as idades com certeza. Não fica correndo atrás de piadas idiotas e imbecis o tempo todo, como foi no terrível Shrek 3, a Dreamworks com Kung Fu Panda conseguiu se redimir daquele péssimo trabalho.

A história segue a trajetória de Po o Panda “macorreneiro” que acaba sendo “o escolhido” para ser o grande Guerreiro do Dragão, e segundo a profecia, deve derrotar o temível Tai Long, protegendo assim o povoado do Vale da Paz. Nessa sua empreitada ele terá que contar com o apoio dos “Cinco Furiosos” que são a Tigresa, o Louva-Deus, o Macaco, a Víbora e a Garça e ainda com os ensinamentos do mestre Shifu.

Caindo aparentemente como “gaiato” nesse história, Po inicia com a desconfiança dos mestres do kung fu, com exceção do velho mestre Tartaruga que o indicou como o escolhido. No meio das histórias de superação a gente vai contando com belos ensinamentos chineses (ou seriam orientais ou budistas sei lá) e ainda aquelas velhas histórias de superação, de acreditar em você mesmo e tudo o mais.

Kung Fu Panda cumpre bem o seu papel com muita ação e humor e é um filme muito bom. Recomendo a todos que gostam de filmes divertidos e despretensiosos. Claro que boa parte da graça pode se perder se você ver a versão dublada, pois Jack Black arrasa até sendo um Panda. Ver Hoffman como um mestre ‘severo‘ do Kung Fu também é muito bom. O Louva-Deus Seth Rogen aparece pouco mas é muito legal. Em fim, as vozes do grande elenco original merecem ser vistas. Se você tiver a oportunidade na sua cidade não perca.

Related Posts with Thumbnails