Jericho – Final da Série

Finalmente terminei de ver a 2º (e última) temporada da série da CBS Jericho. Um seriado que começou de forma até interessante, muito mais pelo seu tema do que por sua qualidade. Cheguei a comentar aqui sobre a decisão que os executivos da emissora tiveram em retornar o seriado para mais 7 episódios para a segunda temporada e, a depender do retorno na audiência teria continuidade para uma terceira temporada ou não.

Do ponto de vista dos fãs infelizmente o 7º episódio (Patriots & Tyrants), exibido no último 25 de março nos EUA, foi realmente o último. Pelo lado bom eu vejo que ao menos tiveram a hombridade de dar um fim a série. Muito melhor do que simplesmente cancelar e deixar todo mundo numa espera sem fim, ou então deixar centenas de pessoas imaginando como podia ser o final. Alguém lembrou de Caverna do Dragão e os supostos ‘roteiros’ do episódio final que nunca foi feito?

Só terminei de ver esta semana pois esta temporada foi difícil de assistir. Perdeu totalmente o rumo, ficou um negócio muito chato. Se as atuações na primeira temporada já eram ruins, nesta segunda algumas cenas, principalmente as de romance foram vergonhosas. Sabe aquelas cenas que você assiste e fica com vergonha de olhar? Justamente este tipo. Depois de um final de primeira temporada tão espetacular e sem noção, onde termina no meio de uma guerra entre duas cidades e você ouvindo apenas os tiros e a telinha preta com os créditos subindo, retornaram tão pífiamente (existe essa palavra?) que foi uma tarefa árdua chegar ao fim. Fiz mais por honra e porquê faltava pouco afinal.

Sinceramente não sei como alguém consegue estragar um tema tão vasto e bom de se explorar. Imagine que seu país está sendo atacado, uma guerra que ninguém (exceto lógico quem a começou) estava esperando. Você não sabe quem é seu inimigo. Suspeitas indicam que seja seu próprio país. Isso tudo depois de você ver um “cogumelo” gigante no horizonte. Isso mesmo uma bomba atômica. Já imaginou em tudo? E falta de energia, chuva ácida, guerra por mantimentos, falta de ordem. Sensacional não?

Conseguiram apenas fazer isso em uns 5 episódios e depois foi tudo festa em bar, bate papo, amizade, ou seja, nada muito parecido com um clima de guerra pós bombas atômicas e falta de respostas. Poucos tormentos e do nada uma batalha no final da temporada. Agora vai, pensei! Que nada, me voltaram com um tema altamente político e insosso. Da segunda tempora a única cena que valeu a pena foi a de uma menina que saiu detonando vários soldados mercenários com uma escopeta, tudo isso para proteger a namorada do irmão. Foi muito boa essa cena, quem viu vai concordar.

E o final? Bom, o final eu até achei mais ou menos. O que me assustou é que ele não é lá tão conclusivo como falaram. Foi afirmado que não irá ter mais um retorno de forma alguma, mesmo os fãs fazendo outro grande protesto. Eu fico só imaginando porquê eles não concluiram de verdade? Com direito a final feliz, todo mundo junto? Ou até que fosse um final trágico.

Só sei que com o fim de Jericho, o final de Lost se aproximando e ainda depois de terminar de ver a 3º temporada de Prison Break (demorei também um pouco e vou comentar em breve), me sobrou espaço para pelo menos mais uma nova série. Estou entre Batlestar Galacta e Pushing Daisies. Smallville a tempos atrás fiquei muito decepcionado com a 4º temporada e decidi parar. Como tenho ‘coração fraco’, retornei e comecei a ver a 5º temporada. Parei no episódio do Papai Noel. Isso mesmo, Papai Noel. Será que vou conseguir voltar a assistir depois disso? Nooooooooooooooottt!

Caso queira baixar os episódios, o que não recomendo muito, acesse aqui no Portal Brazil Series. Tem tudo lá direitinho. Jericho e muitos outros seriados, vale a pena a visita.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

13 Comments

  1. Man, o que é hombridade?

    Entre as séries pra vc escolher, vale lembrar que Batlestar tem mais episódios, mas teoricamente tem já planejado até qual episódio / temporada vai. Acho que Pushing Daisies vc pode até tentar convencer a patroa a ver.

    Post a Reply
  2. Porra man, acho que hombridade eu inventei né? Mais uma palavra. Se bem que acho que já ouvi falar em algum lugar que é algo referente a honradez por aí. Em fim, resumindo, Jericho se perdeu, podia ser bom mas acabou como um seriado a ser esquecido

    Post a Reply
    • nada inventado… só mais um vocabulário pouco usado.

      hombridade
      hom.bri.da.de
      sf (cast hombredad) 1 Aspecto varonil. 2 Corporatura. 3 Nobreza de caráter. 4 Grandeza de ânimo. 5 Desejo de ombrear com alguém.

      pífio
      pí.fio
      adj (cast pifiar) pop Sem importância; reles, vil.

      Post a Reply
      • Thanks Mari, pelo visto utilizei corretamente “Nobreza de caráter” hehehe 😀

        Post a Reply
  3. po! q final fraco
    eu tb tava assistindo jericho até ficar sem tv a cabo, mas fazer oq =/

    agora to sem série nenhuma e feliz da vida por nao perder meu tempo!
    mas eu pensei q lost ia até a 11° temporada ow por ai =/
    eles podem ir se quiserem, tem mto oq explorar.

    Post a Reply
  4. Neste feriado assisti a minisérie que dá início a Battlestar Galatica e já estou no meio da primeira temporada. Vale muito a pena (se você gosta de ficção) e tem episódios onde você se surpreende com certas reviravoltas. Já ouvi falar muito de Pushing Daisies, mas vou esperar acabar a primeira temporada.

    Se você gosta de temas médicos aconselho House, cuja 4a temporada terminou terça passada e foi muito legal. Mas só vale ver da primeira em diante.

    Post a Reply
  5. Dmitry, eu comecei a ver Batlestar Galactica também. Vi a muito tempo os dois episódios de prelúdio e acabei achando chato e tal. Mas tudo mundo que assistia sempre falava muito bem. Dei mais uma chance e continuei. Estou no episódio 8 e posso dizer que o seriado é fantástico. Em breve irei comentar aqui.

    Não gosto muito de seriados “médicos”, entretanto, às vezes vejo um episódio ou outro de House e é muito bom mesmo. Só não devo ficar acompanhando pois estou cheio de séries.

    Post a Reply
  6. Eu tinha baixado todos os episódios de Jericho, mas li vários comentários tipo o seu e nem me dei ao trabalho de começar. Agora vou pra Prision Break. Começar do zero. Sempre via passando na TV mas ficava com a sensação de que um dia eu ia começar a assistir e então nunca vi sequer um segundo de nenhum episódio. Agora vai.

    Post a Reply
  7. Rodrigo, a primeira e a segunda temporada (tirando o episódio final) são muito bons. Amanhã sai meu parecer sobre a terceira tempora aqui no blog

    Post a Reply
  8. Nossa. Assisti o final agora é ……. cadê o final tão esperado tipo….o que aconteceu com cada um? A guerra iria começar agora é acabou? Este perdi alguns dias assistindo acho. Rsrs

    Post a Reply
    • A grande questão Xará é que a série, infelizmente, foi cancelada e por isso não encerrou da forma que os produtores gostariam. Devido a um grande protesto dos fãs na época, tentaram fazer um fechamento com essa segunda temporada mas não ficou do jeito que a série merecia.

      Mais uma pra lista de grandes séries que não deveriam ser canceladas

      Post a Reply
  9. A série é muito boa, excelente poderia ter sido um pouco mais explorada e faltou de fato ficou devendo um desfecho uma espécie de satisfação para as pessoas que acompanharam a série e esperaram por uma resolução

    Post a Reply
  10. Não sei porque dessa raiva toda por jericho, a série é realmente muito boa! Quanto ao clima de guerra e tal, como vocês queriam que tivesse clima de guerra na cidade se ela não tinha meios de comunicações? E sim ela teve toda uma realidade, como por exemplo o quão longe as pessoas podem chegar e o que a dor de uma perda pode fazer! Sem falar no mistério que envolvia o Hawkins que durante a série inteira fez muita gente acreditar em uma coisa e no fim BUUM. Fala sério gente! Jericho é uma das melhores séries do século, bem melhor que The walking dead,pelo menos jericho trás muita realidade. O final sim foi meio chato porque foi como se tivesse despertado um começo deixado os fãs com a idéia de “Não é o fim, é um começo”, já que eles começaram uma guerra! Na minha opinião eles fizeram uma jogada de mestre porque atualmente tem várias produtoras de TV a cabo tentando comprar os direitos da série e fazê-la reviver e sim, poderia até dar certo se os atores que interpretavam os personagens estivessem livres. Mais isso já é uma questão de quem ressuscitasse a série pois como todos falam jericho deixou várias interrogações e seria muito fácil trazer novos personagens e matar alguns, e com toda certeza os fãs adorariam tê-la de volta!

    Post a Reply

Trackbacks/Pingbacks

  1. Marcio via Rec6 - Jericho - Final da Série... Um seriado que começou de forma até interessante, muito mais pelo seu tema do…
  2. The Walking Dead, uma série com Zumbis | Porra, man! - [...] Confesso que não queria mais começar a ver uma série nova (como estou fazendo com True Blood), porque tem…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.