Saneamento Básico

Uma pequena vila gaúcha, Linha Cristal, se encontra com um terrível problema de saneamento básico, o esgoto a céu aberto. Os moradores então decidem se reunir para pleitear na prefeitura a realização da obra orçada em R$ 8.000,00. Liderados por Marina (Fernanda Torres) que é casada com Joaquim (Wagner Moura) os moradores da pequena vila fazem uma assembléia e decidem levar um abaixo-assinado para a prefeitura. Chegando lá descobrem que a prefeitura não possui a verba necessária para este tipo de obra, mas tem uma verba no valor de R$ 10.000,00 para a criação de um filme de ficção. Caso a verba não seja usada deverá ser devolvida ao governo federal, é aí eles decidem fazer um vídeo de baixíssimo orçamento, com o intuito apenas de pegar a verba e realizar a obra.Dirigido por Jorge Furtado que fez “O Homem que Copiava” (um de meus preferidos filmes nacionais) e “Meu Tio Matou um Cara” (esse eu não gostei muito), Saneamento Básico é um belo filme que mostra com uma boa dose de humor, o nosso famoso “jeitinho brasileiro” de se conseguir as coisas. Contando ainda com Camila Pitanga como ‘Silene Seagal’ (irmã de Marina), Paulo José como o pai delas (ótimo no filme), Lázaro Ramos como o editor de vídeos que se descobre um verdadeiro produtor de cinema (muito bom no papel como sempre) e ainda Bruno Garcia como o ‘galã’ do filme Fabrício, Saneamento Básico tem momentos bastante hilários. A pequena participação de Zéu Brito no filme é simplesmente sensacional, ri demais.

A medida que o ‘filme’ vai sendo realizado, os personagens vão se envolvendo cada vez mais com ele e descobrindo que não é tão simples quanto parece fazer um filme, mesmo assim vão achando todo o processo bastante prazeroso e interessante.

Caso ainda não tenha assistido corra para os cinemas pois vale muito a pena. São filmes como este que elevam o nosso conturbado cinema nacional, capazes de criar obras como Cidade de Deus e ao mesmo tempo ‘Quimeras’ (assista o filme que você vai entender) como Xuxa e os duendes ou aquela tosqueira do SBT Filmes que nem lembro o nome, lançado acho que ano passado.

Related Posts with Thumbnails

Author: Marcio Melo

Analista de Sistemas, amante da sétima arte desde os tempos imemoriais e com muito sangue nerd fervilhando em veias hipertensas, fundou o Porra, Man! com o intuito de comentar sobre cinema de forma descomplicada e fácil de entender. Nas horas vagas torce prum time que nunca vence e mata monstros que não existem.

Share This Post On

Trackbacks/Pingbacks

  1. Amanhã Nunca Mais - Crítica do Filme | Porra, man! - [...] trama acompanhamos a vida do anestesista Walter (Lázaro Ramos, “Saneamento Básico”) que nunca tem tempo para sua família devido…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.