Na semana retrasada (ou foi na passada) finalmente fui conferir o novo lançamento da Pixar, Ratatouille. Depois de ter ouvido da senhora dona patroa que não queria ver este desenho pois o rato era azul (quem entende as mulheres?), quase que deixo para ver mesmo em DVD ou iria sozinho mesmo ao cinema. Depois do desenho ser bem elogiado, não só pelos críticos como também pelo ‘boca a boca‘ para a minha nossa sorte ela resolveu ir assistir comigo.

Demorei um pouco de comentar aqui é verdade, acredito que quase todo mundo já tenha assistido e não tenho assim muito o que acrescentar, apenas tenho que dizer para quem ainda não assistiu, que corra e vá logo no cinema. Ratatouille é simplesmente maravilhoso, tão bom quanto Procurando Nemo e Os Incríveis (para mim os melhores da Pixar).

Remy é um rato que vive em Paris e não está satisfeito com o seu modo de vida, sonha na verdade ser um cozinheiro. Ele encontra no grande cozinheiro Gusteau, a sua inspiração. Depois de alguns acontecimentos sua vida se cruza com a do desastrado Linguini. A parceria inusitada é necessária para que ele vire ajudante de cozinha do Restaurante Gusteau´s, já que não é um humano.

O filme é fantástico e como toda essa nova safra de desenhos encanta tantos as crianças quanto os adultos. Estou mais para criança do que para adulto diga-se de passagem 😛

Related Posts with Thumbnails